quinta-feira, 16 de março de 2017

O Senhor das Almas

SINOPSE
O jovem médico Dario Asfar, judeu da Criméia, luta desesperadamente
para conseguir uma clientela em Nice, nos anos 20. 
Sem dinheiro, com mulher e filho pequeno, um dia aceita praticar 
um aborto clandestino. É o primeiro passo do caminho acidentado 
que o conduzirá, em lances de extrema audácia, a práticas na fronteira 
do charlatanismo. Num percurso vertiginoso, Asfar revela-se hábil 
para explorar os meandros da teoria psicanalítica que começava a 
se irradiar do consultório vienense do dr. Freud. Troca, assim, 
a cura do corpo pela cura do espírito, e se torna o “senhor das almas”. 
Mas ao tentar curar as almas alheias, acaba perdendo a sua.

O senhor das almas foi publicado originalmente no semanário anti-semita Gringoire. 
Ao ser republicado em 2005 pela Denoel, o romance fez renascer o debate sobre 
como interpretar o espírito crítico da autora, ela mesma judia, ao descrever a 
cultura e o povo judeu. Uma pista para a resposta estaria em suas palavras, 
citadas no prefácio: “Por que um povo se recusaria a ser visto tal como é, 
com suas qualidades e defeitos? Acho que alguns judeus se reconhecerão nos
meus personagens. Sei que digo a verdade”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário