terça-feira, 13 de dezembro de 2016

Lesley Pearse

Hoje "conheci" Lesley Pearse. Melhor dizer que "ouvi falar"...
No seu livro Roubada, no finalzinho, tem uma entrevista que a editora fez com a autora e adorei.
Estou a procura (no Google) desse diálogo para contar para vocês, mas não encontro.
Achei uma outra entrevista no site da Fernanda.
Não resistirei...
Ela conta histórias reais... estuda fatos reais, relata estórias reais.
E cria outras...
Romance histórico ou romance policial?
Interessante é que nesse diálogo ela fala da diferença em contar fatos passados (cenários de outros séculos) e outros atuais. A riqueza daqueles é maior em função das dificuldades que hoje já não existem mais.


"Ao se aproximar, David percebeu, para seu horror, que era uma mulher. Suas pernas desnudas ainda estavam dentro da água e, quando as ondas chegavam, levantavam a saia do vestido e faziam com que se agitassem. A cabeça não ficou visível até que ele se aproximasse, e David percebeu que ela era jovem, com mais de 20 anos, esguia e bela, e que seu cabelo loiro havia sido cortado de forma descuidada e brutal. —Quem é você?—ele perguntou, abaixando-se ao seu lado nos pedriscos da praia, erguendo-a até que estivesse sentada e apoiada contra seu ombro. David tomou o pulso da mulher. Embora a pele dela estivesse fria como o gelo e muito enrugada por causa da submersão, ele conseguiu sentir uma pulsação leve.” Contrariando todas as expectativas, ela está viva, mas não faz a menor ideia de quem seja. Contudo, quando sua foto é colocada no jornal local, uma antiga companheira de trabalho no cruzeiro que fez pela América do Sul a reconhece.

Quando uma bela moça loira foi encontrada desacordada em uma praia, ela não tinha nenhuma lembrança de quem era ou dos horrores pelos quais havia passado antes de chegar ali. A esteticista Dale não via Lotte Wainwright há tempos, mas, para seu pesar , reconheceu sua amiga na foto publicada pela imprensa local em um artigo que noticiava as misteriosas circunstâncias do aparecimento da jovem que, recentemente, havia dado à luz. Após uma longa separação entre Lotte e Dale, uma perigosa sequencia de segredos, mentiras e pesadelos tem início. O que aconteceu com Lotte? Alguém queria matá-la? E, o pior, o que acontecera com o bebê que dera à luz?
Imagine não saber de onde você veio e o que o futuro lhe reserva...

Nenhum comentário:

Postar um comentário