domingo, 21 de julho de 2013

O ruido das coisas ao cair

“Não existem heróis nem bandidos. Vásquez não mitifica a cultura do narcotráfico nem a autoridade, mas reflete uma situação caótica.” – La Vanguardia, Barcelona


“Vásquez não pretendeu escrever uma alegoria justiceira nem um estudo sociológico do narcotráfico, mas um romance que opera onde as ciências sociais ou as razões do Estado nunca chegam: no centro da vida de um indivíduo que sofreu a irracionalidade da violência.” – Jorge Volpi

O autor Juan Gabriel Vásquez nasceu em Bogotá, Colômbia, em 1973, e vive há mais de 13 anos em Barcelona. Graduou-se em direito e passou três anos em Paris, onde doutorou-se em literatura latino-americana pela Sorbonne. Escritor, tradutor e jornalista, é autor, entre outros livros, dos romances Os informantes (L&PM) e História secreta de Costaguana (L&PM), vencedor dos prêmios Qwerty de melhor romance em língua espanhola e da Fundación Libros & Letras, além de finalista do Independent Foreign Fiction Prize.

Elogiado por autores como Gabriel García Márquez e Mario Vargas Llosa, Juan Gabriel Vásquez cria, neste romance impactante, uma narrativa de intrigas e paixões em meio à violenta história recente da Colômbia. Livro vencedor do Prêmio Alfaguara de Literatura em 2011, O ruído das coisas ao cair retrata com precisão a história de uma geração que conviveu de perto com o poder do narcotráfico no país.

Em meados da década de 1990, Antonio Yammara é um jovem professor de Bogotá que passa seu tempo livre no bilhar próximo à universidade em que leciona. Sua vida muda quando conhece Ricardo Laverde, ex-presidiário que pagou um alto preço pela ligação com o tráfico internacional de drogas. Ele compreende que há segredos muito importantes no passado de seu novo conhecido

Quando Laverde é assassinado, Yammara decide investigar os motivos do crime, de uma maneira quase obsessiva. Ele não somente mergulha nos brutais eventos do narcotráfico, como verá seu próprio passado, repleto de culpas e segredos, com outros olhos. Convencido de que a solução do enigma de Laverde irá ajudar a compreender melhor sua própria trajetória, Yammara fará buscas minuciosas que o levarão a respostas ainda mais impressionantes.

Vásquez é tido como um dos maiores expoentes da nova geração literária da Colômbia e da América Latina. Apesar de viver há mais de uma década na Espanha, seu país natal tem frequente destaque em seus romances. Segundo os jornais “El Espectador” e “Arcadia”, de Bogotá, a escrita do autor contém uma clareza rara e O ruído das coisas ao cair constrói uma parábola precisa da sociedade colombiana.

Este romance é a história de uma amizade frustrada. Mas é também uma história de amores em tempos pouco adequados, além de uma análise profunda de uma geração ligada ao medo. Na investigação dotada de suspense que marca o romance, Vásquez demonstra que o bem e o mal podem ser meras suposições.

Leia um trecho do livro no site da Editora Alfaguara.

Nenhum comentário:

Postar um comentário