quinta-feira, 19 de janeiro de 2017

María Duenas

Adicionar legenda
Mauro Larrea jamais imaginou que perderia, por um azar do destino, a fortuna acumulada depois de anos de trabalho árduo. Afogado em dívidas e incertezas, aposta seus últimos recursos em uma jogada imprudente, que lhe dará uma oportunidade para se reinventar. Até que a perturbadora Soledad Montalvo, mulher de um marchant de vinhos de Londres, entra de forma misteriosa em sua vida, arrastando-o para um futuro que jamais suspeitou. Da jovem república mexicana à radiante Havana colonial; das Antilhas a Jerez da segunda metade do século XIX, quando o comércio de vinhos com a Inglaterra transformou a cidade andaluz em um lendário enclave cosmopolita.

quarta-feira, 18 de janeiro de 2017

Danielle Steel

Obras da Autora

Romances

Não-ficção

  • 1984 Love: Poems
  • 1984 Having a Baby
  • 1998 O Brilho de sua Luz (título no Brasil) ou A luz que brilha: a história do meu filho (título em Portugal) - no original His Bright Light
  • 2013 Alegria pura: os cães que amamos - no original Pure Joy: The Dogs We Love

Livros Infantis

Série "Max & Martha"

  • 1989 Martha's New Daddy
  • 1989 Max and the Babysitter
  • 1989 Martha's Best Friend
  • 1989 Max's Daddy Goes to the Hospital
  • 1989 Max's New Baby
  • 1989 Martha's New School
  • 1990 Max Runs Away
  • 1990 Martha's New Puppy
  • 1991 Max and Grandma and Grampa Winky
  • 1991 Martha and Hilary and the Stranger

Série "Freddie"

  • 1992 Freddie's Trip
  • 1992 Freddie's First Night Away
  • 1992 Freddie and the Doctor
  • 1992 Freddie's Accident

Vencendo paradigmas

SINOPSE
A dama do romance conta uma história verídica mais comovente que qualquer um de seus livros de ficção. Em O BRILHO DE SUA LUZ, a americana Danielle Steel fala da dor de perder um filho. "Quero compartilhar a história, a dor, a coragem e o que aprendi ao conviver com ela." explica a autora, cujo filho Nick Traina morreu de overdose em 1997. "Quero que a vida de Nick seja mais que uma doce memória para nós, mas um presente para todos... Minha esperança é que alguém seja capaz de usar o que aprendemos, e salve uma vida com isso." Esse foi o objetivo da escritora americana Danielle Steel quando resolveu colocar no papel suas mágoas.

O BRILHO DE SUA LUZ é a trajetória de um jovem brilhante e doce, mas com uma alma torturada. A história de uma doença, da subsequente luta pela vida e corrida contra a morte. A autora faz as lágrimas rolarem com o drama verídico do jovem que se perdeu para as drogas com apenas 19 anos. Um menino muito inteligente, mas que desde cedo demonstrava um comportamento fora do padrão para garotos de sua idade e, em pouco tempo, recebeu o diagnóstico médico de maníaco-depressivo.

Neste livro pungente, Danielle Steel conta a vida de seu filho querido. Recorda os momentos de sua infância e sofre ao relembrar a luta contra a doença que o levou.
 
 
título: O BRILHO DE SUA LUZ isbn: 9788501056146 idioma: Português encadernação: Brochura formato: 14 x 21 páginas: 328 ano de edição: 2001 edição:                                                  

domingo, 8 de janeiro de 2017

Mente inquieta - transtorno bipolar

Viviane Vaz sugere livros e filmes sobre o assunto.
Fala de grupos de apoio, medicação e dificuldades.

Lista de Livros em ordem alfabética :

1. Adolescente Bipolar (David J. Milklowitz)
2. A Mente Vencendo o Humor (Dennis Greenberger)
3. Bipolaridade e Temperamento Forte (Diogo Lara)
4. Bipolar memórias de extremos (Terri Cheney)
5. BIPOLARIDADE - Sintomas - Convivência - Equilíbrio (Anderson Pires)
6. Da Psicose Maníaco-Depressiva ao Espectro Bipolar (Ricardo e Doris Moreno)
7. Dentro da Chuva Amarela (Walter Moreira)
8. Depressão Bipolar - Um guia Abrangente ( Rif S. El Mallakh, S. Nassir Ghaemi)
9. Digerindo a Bipolaridade (Alexandre Fiúza)
10. Duas Faces de uma Vida (Lana R। Castle)
11. Enigma Bipolar (Teng Chei Tung)
12. FÊNIX - Transtorno bipolar e transtorno obsessivo compulsivo - Toc, na opinião do paciente. (Manuel Fernades Maia)
13. Não sou uma só: o Diário de uma Bipolar (Marina W।)
14. O Brilho de sua Luz (Danielle Steel)
15. O Demônio do Meio-dia (Andrew Solomon)
16. O Modelo de Medo e Raiva para Transtornos de Humor, de Comportamento e da Personalidade (Diogo Lara)
17. O Lado Bom da vida (Quick, Matthew)
18. Perturbação Bipolar - Guia para Doentes suas Famílias (Francis Mondimore)
19. Quando a Noite Cai - Entendendo o Suicídio (Kay Redfield Jamison)
20. Touched wih Fire (Kay Redfield Jamison)
21. Transtorno Bipolar: Tratamento pela Terapia Cognitiva (Vários autores)
22. Transtorno bipolar - O que é preciso saber (David J. Milklowitz)
23. Transtorno Bipolar - Perguntas da Vida Real com Respostas Atualizadas (Wes Burgess)
24. Transtorno Bipolar  -O Céu da Pseudofelicidade, o Inferno da Tristeza Profunda (Suzana Bitti)
25. Um Bipolar que deu Certo (João Henrique Machado de Ávila)
22. Tocados Pelo Fogo : A Doença Maníaco-Depressiva e o Temperamento Artístico (Kay Redfield Jaminson)
26. Uma Mente Inquieta (Kay Redfield Jaminson)
27. Uma Viagem entre o Céu e o Inferno (Luiz Humberto Leite Lopes)
28. Vivendo com o Transtorno Bipolar - Um Guia para entender e manejar o transtorno (Lesley Berk, Michael Berk, David Castle, Sue Lauder.)

Filmes :
 
1. "Mr. Jones" (Mike Figgis)
2. "As Horas" (Stephen Daldry)
3. "The Secret Life of the Manic Depressive" (Stephen Fry)
4 . O Lado Bom da vida!
5. Sentimentos que Curam

sábado, 7 de janeiro de 2017

Ano de 2016


Quantos e quais livros li?
Lembro que há 3 meses estive numa fase em que abria o livro, começava a leitura e abandonava. 
Não era o momento... não era o assunto...
Então li:

O pé de Jaipur, Javier Moro
O que é o Quê, Dave Eggers
Se o Passado não Tivesse Asas, Pepetela
A Mansão do Rio, Pat Conroy
O Príncipe das Marés, Pat Conroy
Canção do Mar, Pat Conroy
Roubada, Lesley Pearse
Um Lugar Chamado Liberdade, Ken Follett

E abandonei:
O Caminho da Autotransformação
Perdas Necessárias
O Enigma dos Oito
Paulo e Stevão
A Viagem de Théo
A Língua de Eulália
A Santa Aliança - cinco séculos de espionagem no Vaticano
O Despertar da Irlanda
Campos de Sangue Religião e a História da Violência
Flor da Pele

Foi um bom ano para outras questões: a viagem dos meus sonhos...

Não me lembro...

Diz neste blog que em junho de 2013 li Após o Anoitecer e gostei do autor... Confesso que não me recordo de nada da obra, snif...
A Livraria Travessa, nesta semana, oferece desconto nos livros de Haruki Murakami.

Tentando achar respostas - relembrar o que li -, achei Taize Odelli e seguirei de suas sugestões literárias.

Ela lê em média 28 livros por ano:

LIDOS EM 2016

1. Mentirosos – E. Lockhart – Seguinte
2. Luzes de emergência se acenderão automaticamente – Luisa Geisler – Alfaguara
3. O mundo em chamas – Siri Hustvedt – Companhia das Letras
4. O último samurai – Helen DeWitt – Rocco
5. O pomar das almas perdidas – Nadifa Mohamed – Tordesilhas
6. Os luminares – Eleanor Catton – Biblioteca Azul
7. Tirza – Arnon Grunberg – Rádio Londres
8. História do novo sobrenome – Elena Ferrante – Biblioteca Azul
9. Romance moderno – Aziz Ansari – Paralela
10. Memórias de um casamento – Louis Begley – Companhia das Letras
11. Sete breves lições de física – Carlo Rovelli – Objetiva
12. Bonita Avenue – Peter Buwalda – Alfaguara
13. Cidade em chamas – Garth Risk Hallberg – Companhia das Letras
14. A história dos meus dentes – Valeria Luiselli – Alfaguara
15. A guerra não tem rosto de mulher – Svetlana Aleksiévitch – Companhia das Letras
16. Dias de abandono – Elena Ferrante – Biblioteca Azul
17. Sopa de salsicha – Eduardo Medeiros – Quadrinhos na Cia.
18. Simpatia pelo demônio – Bernardo Carvalho – Companhia das Letras
19. Uma vida pequena – Hanya Yanagihara – Record
20. Meu nome é Lucy Barton – Elizabeth Strout – Companhia das Letras
21. A história secretaDonna Tartt – Companhia das Letras
22. Meia-noite e vinte – Daniel Galera – Companhia das Letras
23. Enclausurado – Ian McEwan – Companhia das Letras
24. Homo Deus – Yuval Noah Harari – Companhia das Letras
25. A música do universo – Janna Levin – Companhia das Letras
26. Repeteco – Bryan Lee O’Malley – Quadrinhos na Cia.
27. Paraíso e inferno – Jón Kalman Stefánsson – Companhia das Letras
28. História de quem foge e de quem fica – Elena Ferrante – Biblioteca Azul
29. Uma temporada no escuro – Karl Ove Knausgård – Companhia das Letras
30. A filha perdida – Elena Ferrante – Intrínseca
31. O tribunal da quinta-feira – Michel Laub – Companhia das Letras
32. O homem sem doença – Arnon Grunberg – Rádio Londres
33. Quem matou Roland Barthes? – Laurent Binet – Companhia das Letras



Lidos em 2015

1. A balada de Adam Henry – Ian McEwan – Companhia das Letras
2. Não sou uma dessas – Lena Dunham – Intrínseca
3. Eu, robô – Isaac Asimov – Editora Aleph
4. Graça infinita – David Foster Wallace – Companhia das Letras
5. Um outro amor – Karl Ove Knausgård – Companhia das Letras
6. A segunda pátria – Miguel Sanches Neto – Intrínseca 
7. Stoner – John Williams – Rádio Londres
8. A ilha da infância – Karl Ove Knausgård  – Companhia das Letras
9. A mão esquerda da escuridão – Ursula K. Le Guin – Editora Aleph
10. A amiga genial – Elena Ferrante – Biblioteca Azul
11. Do que é feita uma garota – Caitlin Moran – Companhia das Letras
12. O primeiro homem mau – Miranda July – Companhia das Letras
13. Nora Webster – Colm Tóibín – Companhia das Letras
14. Estação onze – Emily St. John Mandel – Intrínseca
15. Não há lugar para a lógica em Kassel – Enrique Vila-Matas – Cosac Naify
16. Os bons segredos – Sarah Dessen – Seguinte
17. A Vênus das peles – Sacher-Masoch – Hedra
18. Só faltou o título – Reginaldo Pujol Filho – Record
19. Assim começa o mal – Javier Marías – Companhia das Letras
20. Cyberstorm – Matthew Mather – Aleph
21. Estação Atocha – Ben Lerner – Rádio Londres
22. Operação Impensável – Vanessa Bárbara – Intrínseca
23. Gigantes – Pedro Henrique Neschling – Paralela
24. Seu rosto amanhã, vol. 1 – Febre e lança – Javier Marías – Companhia das Letras
25. Seu rosto amanhã, vol. II – Dança e sonho – Javier Marías – Companhia das Letras

Lidos em 2014

1. Ódio, amizade, namoro, amor, casamento – Alice Munro – Biblioteca Azul
2. Vício inerente – Thomas Pynchon – Companhia das Letras
3. Mudança – Mo Yan – Cosac Naify
4. As leis da fronteira – Javier Cercas – Biblioteca Azul
5. Um, dois e já – Inés Bortagaray – Cosac Naify
6. Olhe para mim – Jennifer Egan – Intrínseca
7. Ritos de passagem – Fábio Kabral – Giostri
8. Garota exemplar – Gillian Flynn – Intrínseca
9. Mrs. Dalloway – Virginia Woolf – Cosac Naify
10. Serena – Ian McEwan – Companhia das Letras
11. NW – Zadie Smith – Companhia das Letras
12. Como ficar sozinho – Jonathan Franzen – Companhia das Letras
13. O homem sentimental – Javier Marías – Companhia das Letras
14. Diga o nome dela – Francisco Goldman – Companhia das Letras
15. F. – Antônio Xerxenesky – Rocco
16. A morte do pai – Karl Ove Knausgård – Companhia das Letras
17. Um homem burro morreu – Rafael Sperling – Oito e Meio
18. A arte da procrastinação – John Perry – Paralela
19. Dez de dezembro – George Saunders – Companhia das Letras
20. Enquanto Deus não está olhando – Débora Ferraz – Record
21. Como ficar podre de rico na Ásia emergente – Mohsin Hamid – Companhia das Letras
22. O pintassilgo – Donna Tartt – Companhia das Letras
23. As cavernas de aço – Isaac Asimov – Aleph
24. O mundo assombrado pelos demônios – Carl Sagan – Companhia das Letras
25. Tempo de espalhar pedras – Estevão Azevedo – Cosac Naify
26. Este lado do paraíso – F. Scott Fitzgerald – Cosac Naify
27. Dear life – Alice Munro – Vintage

sexta-feira, 6 de janeiro de 2017

O que faz um excesso...

Sempre acreditou que todos os problemas na vida surgem por "falta" ou "excesso".
Por isso sempre se vangloriou por não ter grandes vícios - que seriam excesso por algo ou de algo.
Uma pessoa, então, sem grandes problemas.
Porque não lhe falta dinheiro, não lhe falta saúde; talvez falte fé.
 
Filosofar é uma das coisas que gosta de fazer.
Depois da conversa que teve com sua prima diria então que por falta de alegria os problemas podem parecer existir.
Parecer, simplesmente. Pois basta uma releitura, um novo conceito e tudo se resolve com alegria.
 
Não foi um problema atrasar-se para o trabalho hoje por 20min, mas deu pra refletir.
Saiu de casa com os livros à mão, óculos pendurados no cordão como pingente e entrou no ônibus azul.
Cumprimentou o motorista toda feliz porque já se viram por várias vezes e o considera simpático.
Procurou as notas e a moeda e achou seu lugarzinho logo após a roleta.
E começou a folhear o novo livro Belle, da mesma autora que conheceu na semana passada com Roubada.
Passado o tempo que calculou mentalmente, descobriu que estava na Assembléia, ou seja, pegou o ônibus errado.
Nem riu, nem chorou.
Então, eis aí o porquê o excesso pode causar problema - tão empolgada estava em saber o assunto no novo romance, nem se tocou que aquele motorista era da outra linha. Acontece da linha azul ceder suas unidades para a linha amarela. Única diferença, neste caso, é o letreiro - o número da linha que ela nem se deu ao trabalho de observar.
Por essa razão o motorista estranhou sua presença. Eles se conheceram há 6 anos quando ela trabalhava em outra unidade da empresa.
Motivo para rir.
Mas, motivo para refletir sobre esta rota de fuga.
Belle será seu quarto livro em 18 dias.
06.01.17
 
Título: Belle
Título Original: Belle
Autora: Lesley Pearse
Editora: Novo Conceito
Nº de páginas: 560
Sinopse: Londres, 1910. Belle, de 15 anos, viveu em um bordel em Seven Dials por toda sua vida, sem saber o que acontecia nos quartos do andar de cima. Mas sua inocência é estilhaçada quando vê o assassinato de uma das garotas e, depois, pega das ruas pelo assassino para ser vendida em Paris. Sem poder ser dona de seu próprio destino, Belle é forçada a cruzar o mundo até a sensual Nova Orleans onde ela atinge a maioridade e aprende a aproveitar a vida como cortesã. A saudade de casa — e o conhecimento de que seu status como garota de ouro não durará muito — a leva a sair de sua gaiola de ouro. Mas Belle percebe que escapar é mais difícil do que imaginou, pois sua vida inclui homens desesperados que imploram por sua atenção. Espirituosa e cheia de desenvoltura, ela tem uma longa e perigosa jornada pela frente. A coragem será suficiente para sustentá-la? Ela poderá voltar para sua família e amigos e encontrar uma chance para a felicidade? Autora # 1 bet-seller, Lesley Pearse criou em Belle a heroína de nossos tempos: uma mulher forte que luta por seus direitos em um mundo perigoso.